Uíge: Núncio Apostólico encoraja seguir exemplo de apóstolos

⇧Clicar para alargar
Uíge - O Núncio Apostólico de Angola e S. Tomé, Dom Petar Rajic, encorajou quinta-feira, na cidade do Negage, os sacerdotes da sua igreja a tomar um coração novo seguindo o exemplo dos Apóstolos com vista a serem auxílio e misericórdia para os que sofrem na sociedade., Na sua homilia durante a missa que celebrou para sacerdotes e irmãs consagradas na igreja de S. José Operário, cidade do Negage, Dom Rajic afirmou que encorajados pelo testemunho dos Apóstolos e mártires da igreja primitiva, nunca terão medo de dar suas vidas de todo o coração ao Senhor da Messe, que veio para servir e não para ser servido. Para si, é importante trabalharem para o bem, sem medidas e distinção do rebanho que o Senhor colocou à disposição de cada um. “Devemos nos lembrar sempre que o sacerdócio não é, em primeiro lugar, algo que fazemos, mas alguém que somos. Não é um troféu ganho. Trata-se de uma relação íntima e verdadeira com a videira que é Cristo”, recordou. “Como sacerdotes, embora somos fracos e limitados, por meio da imposição das mãos e da oração de ordenação somos dispensadores a misericórdia de tais bens celestes”, sublinhou. Na oportunidade, baseando-se numa das homilias do Papa Francisco, recordou os presentes a privilegiar o povo cristão com a sua realidade, seu dia a dia para que possam sentir-se bem ao lado dos sucessores de Pedro. O prelado pediu  aos sacerdotes a necessidade de darem bom testemunho, para que os jovens chamados pelo Senhor sigam o seu exemplo e não tenham medo de responder ao chamamento de Deus. Para o bispo do Uíge, Dom Emílio Sumbelelo, o momento seriviu para apresentar os seus colaboradores, quer dos sacerdotes diocesanos como religiosas e das irmãs consagradas. Participaram da missa bispos, arcebispos da CEAST, sacerdotes, religiosas, catequistas e fiéis de diversas comunidades da cidade do Negage.   ,
Categoria: